Capa » Cultura Viva » Artistas de Campinas expõem em Portugal em abril, o mês da Revolução dos Cravos
Artistas de Campinas expõem em Portugal em abril, o mês da Revolução dos Cravos
Detalhe de obra de Giancarlo Giannelli na exposição em Lisboa

Artistas de Campinas expõem em Portugal em abril, o mês da Revolução dos Cravos

A artista plástica Nale Simionatto e o fotógrafo Giancarlo Gianelli estão expondo em Portugal em abril, o mês da Revolução dos Cravos, como ficou conhecido o movimento que levou ao fim da ditadura salazarista em 25 de abril de 1974. Dois nomes muito conhecidos nas artes visuais de Campinas, Nale e Giancarlo inauguraram suas exposições – que fazem parte da mostra coletiva Patente – neste sábado, dia 1 de abril, no mesmo endereço, a Colorida Art Gallery, que fica na rua Costa do Castelo, 63, em Lisboa. As duas exposições permanecem nesse espaço cultural cada vez mais ativo da capital portuguesa até o dia 14 de abril, das 14h30 às 18 horas.

“O trabalho semi abstracto da artista Nale Simionatto confirma o seu estado de espírito. Para ela o  mais importante não é a exactidão da forma, mas os sentimentos que nela revelam-se”, escreveu o curador e galerista José Roberto Moreira. “As composições não evidenciam somente simplificações da natureza, simbolizam liberdade emocional”, ele completa.

Na construção da obra, afirma o curador, “as sobreposições de manchas e linhas estabelecem novas possibilidades de representação. O movimento gestual rápido da artista gera ritmo às paisagens e a quase abstracção remete o olhar para além do horizonte”.

Convite para a exposição de Nale na Colorida Art Gallery

Convite para a exposição de Nale na Colorida Art Gallery

Giannelli – O mesmo curador e galerista destaca, sobre a obra de Giancarlo Giannelli, que o fotógrafo “promove uma transformação contemporânea na paisagem natural e urbana através do seu trabalho fotográfico. A sua arte resulta da somatória de pesquisas pessoais, muitas vezes distantes no tempo e sem uma temática específica, mas que instauram um novo olhar, instauram uma fotografia “contaminada” pelo olhar do artista”.

Giancarlo, completa José Roberto Moreira, “apresenta imagens com grande força plástica, muitas delas captadas no território desordenado das grandes cidades, outras na paz da natureza, onde torna-se visível sua poesia”.

Quem estiver ou for a Lisboa nestes dias podem chegar à Colorida Art Gallery pelo Eléctrico 12/28 ou Autocarro 737. O estacionamento fica nas Portas do Sol ou Chão do Loureiro. Mais informações: www.colorida.biz

 

 

Sobre ASN

Organização sediada em Campinas (SP) de notícias, interpretação e reflexão sobre temas contemporâneos, com foco na defesa dos direitos de cidadania e valorização da qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.