Vazão do Rio Piracicaba volta a assustar e reafirma urgência de preparo para eventos extremos
Rio Piracicaba transbordando (Foto Adriano Rosa)

Vazão do Rio Piracicaba volta a assustar e reafirma urgência de preparo para eventos extremos

As fortes chuvas na região voltaram a elevar rapidamente a vazão do rio Piracicaba, que no início da noite desta sexta-feira, 11 de março, voltava a apresentar risco de extravasamento ao longo da rua do Porto e em outros pontos das áreas ribeirinhas. Às 20h20 a vazão do Piracicaba era de 442 metros cúbicos por segundo, contra uma média histórica do mês de 167,54 metros cúbicos por segundo.

O rio Piracicaba já atingia mais de 4 metros na altura da ponte pênsil e chegando a 4,70 metros seria forte a possibilidade de extravasamento. Em Artemis, no mesmo horário, a vazão do rio Atibaia era de 500 metros cúbicos por segundo.

No último dia 15 de janeiro a vazão do Piracicaba chegou a 800 m3/s, 40 vezes a vazão de um ano atrás, como informou a Agência Social de Notícias (ver aqui). O perigo representado pela elevação da vazão e transbordamentos reforça a necessidade de melhor preparação de Piracicaba e outras cidades para eventos climáticos extremos, que tendem a se multiplicar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>